Portugal
Tondela e Gil Vicente dividem pontos no Estádio João Cardoso
2020-01-05 17:30:00
Pepelu desperdiçou penálti para os beirões aos 56 minutos

O Tondela e o Gil Vicente empataram hoje 1-1, num encontro da 15.ª jornada da I Liga, em que os dois golos foram marcados nos primeiros 15 minutos e no qual os beirões falharam um penálti.

No Estádio João Cardoso, em Tondela, Ricardo Alves inaugurou o marcador aos cinco minutos, na sequência de um canto marcado por Jonathan Toro, mas 10 minutos depois Baraye igualou para os visitantes.

O Tondela dispôs de uma soberana oportunidade para se colocar em vantagem na segunda parte, quando Pepelu, aos 56 minutos, desperdiçou uma grande penalidade.

Na primeira parte, as duas equipas tiveram alguns lances perigosos, apesar de terem perdidos muitas vezes a bola.

Denis protagonizou um duelo inicial com Denilson Júnior, impedindo por duas vezes o golo do Tondela, com Cláudio Ramos a também brilhar na outra baliza, a remates de Sandro Lima (11) e Baraye (20).

Já depois de Pepelu ter desperdiçado a grande penalidade, Jonathan Toro e Romário tiveram oportunidade de marcar de livre, com o primeiro a atirar por cima da barra da balizade Denis e o segundo a ver Cláudio Ramos defender.

O Tondela e o Gil Vicente somam assim um ponto cada um, com a equipa da casa a ficar com 19, mantendo-se no 10.º lugar, e os visitantes, com 18, a subirem para o 11.º lugar.

Jogo no Estádio João Cardoso, em Tondela.

Tondela – Gil Vicente, 1-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcador:

1-0, Ricardo Alves, 05 minutos.

1-1, Baraye, 15.

Equipas:

- Tondela: Cláudio Ramos, Moufi, Yohan Tavares, Ricardo Alves, Filipe Ferreira, Jhon Murilo, Jaquité (João Pedro, 72), Pepelu, Xavier, Denilson Junior (Ruben Fonseca, 72) e Jonathan Toro (Richard Rodrigues, 83).

(Suplentes: Babacar Niasse, João Reis, João Pedro, Tomislav, Richard Rodrigues, Philipe Sampaio e Ruben Fonseca).

Treinador: Natxo González.

- Gil Vicente: Denis, Fernando, Ygor Nogueira, Ruben Fernandes, Henrique Gomes, Claude Gonçalves, Soares, Ruben Ribeiro (Naidji, 68), Baraye (Romário, 68), Sandro Lima e Lourency Rodrigues (Ahmed Isaiah, 86).

(Suplentes: Bruno, João Afonso, Naidji, Romário, Edwin Vente, Samuel Lino e Ahmed Isaiah).

Treinador: Vítor Oliveira.

Árbitro: António Nobre (AF Leiria).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Claude Gonçalves (64 minutos), Henrique Gomes (66), Jonathan Toro (69) e Yohan Tavares (89).

Assistência: 1.802 espetadores.