Portugal
"Isto não vai beliscar a imagem do Canelas", diz diretor após desacatos
2019-09-16 15:25:00
Dirigente do Canelas deixa a versão do clube gaiense após incidentes com adeptos da Sanjoanense

O delegado ao jogo do Canelas na partida contra a Sanjoanense nega culpas nos desacatos dentro e fora do estádio e deixa a versão do emblema de Vila Nova de Gaia e duas certezas. "Isto não vai beliscar a imagem do Canelas", disse, acrescentando: "Vamos receber as pessoas como gostamos de ser recebidos."

Francisco Duarte explica que "a culpa não foi" dos gaienses nos incidentes verificados, no domingo, após o golo da vitória da Sanjoanense.

O dirigente salienta ainda que não existirá animosidade quando a Sanjoanense for a Canelas. "Recebemos toda a gente com o máximo de cordialidade, em nossa casa não se passa nada deste tipo de situações e as pessoas são bem recebidas", referiu Francisco Duarte, que revela também que tentaram invadir o balneário do Canelas em São João da Madeira.

"Após o golo deles há um jogador, o Bilu, que vem provocar o nosso banco e foi expulso por festejos excessivos. Gerou-se uma reação, e dois adeptos da claque da Sanjoanense entraram em campo e foram detidos", referiu Francisco Duarte, em declarações ao jornal 'O Jogo'.

O dirigente explicou ainda que os jogadores do Canelas estavam nos balneários quando "misteriosamente uma porta que dá acesso ao mesmo abriu-se e estavam a entrar adeptos da Sanjoanense".