Portugal
Desportivo das Aves sem casos positivos antes de visitar Gil Vicente
2020-06-21 21:00:00
Décima bateria de testes à covid-19

A estrutura do Desportivo das Aves acusou negativo na 10.ª bateria de despistagem à covid-19, realizada antes da visita de hoje ao Gil Vicente, confirmou à agência Lusa fonte do lanterna-vermelha da I Liga.

O treinador Nuno Manta Santos terá de colmatar a ausência do ala franco-camaronês Kevin Yamga, que viu o quinto cartão amarelo na receção ao FC Porto (0-0), mas já pode integrar nas opções o defesa Ricardo Mangas e o avançado chadiano Marius.

Os avenses têm atravessado uma série de contrariedades desportivas, diretivas e financeiras e voltaram a falhar em 09 de maio a obrigação de demonstrar a inexistência de dívidas salariais a jogadores e treinadores nos meses de março e abril junto da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que remeteu o processo para o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, tal como tinha sucedido em 03 de abril.

A SAD justificou o incumprimento entre dezembro de 2019 e fevereiro de 2020 com a paralisação da atividade económica na China, motivada pela pandemia de covid-19, mas assistiu às rescisões unilaterais do guarda-redes francês Quentin Beunardeau e do avançado brasileiro Welinton Júnior, numa reincidência que pode significar cinco a oito pontos de penalização na luta pela manutenção na I Liga.

O Desportivo das Aves, 18.º e último classificado, com 14 pontos, outros tantos abaixo da zona de salvação, defronta hoje o Gil Vicente, na 11.ª posição, com 30, às 21:00, no Estádio Cidade de Barcelos, no encontro inaugural da 28.ª jornada, que será arbitrado por André Narciso, da associação de Setúbal.