Grande Futebol
“Seria catastrófico se a temporada não terminasse”, diz André Villas-Boas
2020-03-27 22:00:00
O técnico do Marselha defende que as competições devem terminar em novembro ou dezembro deste ano

Numa altura em que os campeonatos europeus estão interrompidos por causa do surto do Covid-19, o treinador do Marselha, André Villas-Boas, quer que todas as competições sejam concluídas até ao fim.

Em declarações à rádio francesa ‘RMC’, o antigo técnico do FC Porto defende que os campeonatos devem terminar entre novembro a dezembro deste ano.

“O mais viável seria terminar os campeonatos em novembro ou dezembro de 2020. E, a partir de 2021, começarmos a nova época com o ano civil para, dessa forma, chegarmos ao Mundial2022 após o fim dos campeonatos”, afirmou André Villas-Boas.

A questão financeira também merece preocupações por parte do técnico português.

“Espero que a época termine. Caso contrário, todos os clubes vão ficar numa situação económica catastrófica”, assegura.

Com os olhos postos no próximo mundial, que se vai realizar no Qatar, o treinador de 42 anos considera que os calendários só voltarão ao normal daqui a vários anos.

“A seguir, após o Mundial de 2022, talvez precisemos de uns dois anos para voltarmos a ter os calendários normais como temos agora. Talvez seja a solução mais viável”, comentou.

Contratado pelo Marselha esta temporada, André Villas-Boas deixou o Marselha no segundo lugar da Ligue 1, com 56 pontos, a 12 do primeiro classificado, o Paris Saint-Germain.