Grande Futebol
Plantel do Espanyol aceita descida salarial de 19 por cento
2020-04-27 19:35:00
O clube informa que, caso o campeonato termine, a descida será de apenas 4 por cento

O Espanyol anunciou hoje que chegou a acordo com a equipa técnica e com o plantel da sua primeira equipa de futebol para uma descida dos salários de 19 por cento caso a I Liga espanhola não termine.

No entanto, o acordo abrange outro cenário, o de o campeonato chegar ao fim, no qual haverá uma descida nos salários de quatro por cento, informou o Espanyol através de um comunicado oficial, no qual agradece aos técnicos e jogadores pelo seu "esforço e solidariedade" perante a situação provocada pela pandemia da covid-19.

Além disso, o clube catalão irá assumir o pagamento da percentagem do salário dos que foram colocados em ‘lay-off', em vigor desde 14 de março e que só termina quando for decretado pelo Governo o fim do estado de alarme, e que inclui a totalidades dos jogadores da equipa B, da primeira equipa feminina e dos jovens da formação de categoria A e B.

Por outro lado, todos os profissionais do clube cujos contratos expiram a 30 de junho de 2020 verão os mesmos serem prorrogados até que a época 2019/20 chegue ao fim.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 206 mil mortos e infetou quase três milhões de pessoas em 193 países e territórios.

A Espanha é o terceiro país mais afetado pela pandemia a nível global, com 23.521 mortos e mais de 209 mil casos.