Grande Futebol
José Mourinho faz 'mea culpa' após furar isolamento social
2020-04-08 13:35:00
O treinador português falou sobre a sessão de treinos realizada em Hadley Commom

O treinador do Tottenham, José Mourinho, quebrou o silêncio após ter sido fotografado em Hadley Common, um parque em Londres, a orientar uma sessão de treinos a Tanguy Ndombélé, Davinson Sanchez e Ryan Sessegnon.

Em declarações ao jornal ‘The Mirror’, o português pediu desculpa pelas ações tomadas em pleno período de isolamento social, face ao surto de Covid-19 em Inglaterra.

“Aceito que as minhas ações não tenham sido corretas nem de encontro com o protocolo do governo. Só devemos ter contacto com as pessoas com quem vivemos”, afirmou José Mourinho.

Ao mesmo tempo, o técnico apela à população que continuem a seguir as recomendações das entidades governamentais.

“É vital que todos nós façamos a nossa parte e possamos seguir as instruções do governo para ajudar os nossos heróis de saúde e salvar vidas”, acrescentou.

Após o treinador português e alguns atletas terem sido apanhados a quebrar as regras de distanciamento social, o Tottenham alertou os seus futebolistas para manterem o distanciamento social quando treinarem, devido à pandemia da covid-19.

“Lembramos a todos os nossos jogadores que respeitem o princípio do distanciamento social quando treinarem ao ar livre”, disse na terça-feira um responsável dos ‘Spurs’, citado pela imprensa britânica.

O elemento do clube londrino da Premier League, competição que se encontra suspensa desde março por causa da pandemia, no qual alinha o médio luso Gedson Fernandes, acrescentou que “é uma mensagem que deve continuar a ser reforçada”.

De acordo com os últimos dados, o Reino Unido regista 55.242 pessoas infetadas pelo novo coronavírus, incluindo o primeiro-ministro Boris Johnson, e 6.159 mortos.