Grande Futebol
Atlético Madrid empata na visita ao lanterna-vermelha Espanyol
2020-03-01 18:05:00
João Félix começou no banco e entrou aos 57 minutos

O Atlético de Madrid empatou hoje 1-1 na visita ao lanterna-vermelha Espanyol, em jogo da 26.ª jornada da Liga espanhola, cedendo o terceiro lugar ao Sevilha, que venceu por 3-2 na receção ao Osasuna.

Os catalães, que ocupam o último lugar da prova, colocaram-se na frente do marcador aos 24 minutos, com um autogolo do central montenegrino Stefan Savic, num lance em que esteve envolvido o ex-avançado do Benfica Raúl de Tomás.

Logo no arranque do segundo tempo, o Atlético chegou à igualdade, por intermédio de Saúl Ñíguez, aos 47 minutos, num pontapé de ‘ressaca’ do médio, à entrada da área.

O internacional português João Félix começou a partida no banco de suplentes dos madrilenos, tendo sido ‘lançado’ pelo técnico Diego Simeone para o lugar do belga Yannick Ferreira-Carrasco, aos 57 minutos.

O Atlético de Madrid, que era terceiro colocado à entrada para esta ronda, soma 44 pontos e perdeu o lugar no pódio para o Sevilha, que tem 46, depois de hoje vencido em casa o Osasuna, por 3-2, com o golo do triunfo a surgir nos ‘descontos’.

A formação do ex-técnico portista Julen Lopetegui chegou ao intervalo a vencer por 2-0, com tentos do marroquino Youssef En Nesyri, aos 13 minutos, e do argentino Lucas Ocampos, aos 45+1, mas o conjunto de Pamplona, que ficou reduzido a 10 elementos aos 54, por expulsão do guarda-redes Sergio Herrera, chegou ao empate, através de Aridane e Roberto Torres, aos 64 e 74, respetivamente, o último de grande penalidade.

Já em período de compensação, o Sevilha ainda conseguiu chegar ao terceiro golo e garantir a vitória, graças ao ‘bis’ de En Nesyri, aos 90+3 minutos.

No outro jogo do dia, o Athletic Bilbau, 10.º colocado, pôs termo a uma longa série de 10 jogos sem ganhar, ao bater o Villarreal, oitavo, por 1-0, graças a um penálti convertido por Raúl Garcia, aos 56 minutos.

A liderança de ‘La Liga’ está na posse do bicampeão FC Barcelona, que hoje se desloca ao reduto do rival Real Madrid, segundo classificado, a dois pontos.